Benfica

Benfica perde Eusébio Cup nas grandes penalidades

Lindelof falhou a marcação da grande penalidade e o Torino venceu a 9ª edição da Eusébio Cup. Benfica 6 - 7 Torino. Este foi o sétimo jogo de preparação do Benfica.

Um auto-golo de Vives abriu o marcador para os encarnados aos 11', mas o sérvio Ljajic, na conversão de um livre direto, conseguiu um empate aos 32'.

Salvio terminou a primeira parte com alguns problemas físicos.

Alguns dos antigos futebolistas que representaram Portugal no Mundial de 1966 foram hoje homenageados no intervalo da nona edição da Eusébio Cup, que se disputa entre o Benfica e os italianos do Torino.

António Simões, Fernando Cruz e José Augusto, que alinharam no Benfica, e Fernando Peres e Hilário, que representaram o Sporting, subiram ao relvado do Estádio da Luz, juntamente com familiares de Eusébio, Jaime Graça, José Torres e Mário Coluna, numa homenagem prestada pelo clube 'encarnado'.

Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica, entregou a cada um dos presentes um troféu simbólico, numa homenagem que mereceu muitos aplausos por parte do público presente.

Na pré-temporada a formação da Luz começou por vencer a Algarve Cup, com um empate 0-0 frente ao V. Setúbal e uma vitória perante o Derby County por 4-0.
No estágio de uma semana que decorreu em Inglaterra, os encarnados começaram por perder frente ao Sheffield (1-0) e depois venceram o Wolfsburg (2-0).

O Torino esteve pela primeira vez em Lisboa desde o desastre do 4 de maio de 1949 quando, após um jogo particular frente ao Benfica, o avião que levava equipa de Turim de volta à casa embateu na Basílica de Superga. Não houve sobreviventes.

Onze Benfica:

Paulo Lopes; Nélson Semedo, Luisão, Lisandro e Grimaldo; Fejsa, André Horta, Salvio e Cervi; Gonçalo Guedes e Mitroglou.

Onze Torino:

Gomis; Zappacosta, Moretti, Maksimovic e Molinaro; Acquah, Vives e Obi; Falqué, Ljajic e Belotti.