Taça de Portugal

Caldas à procura de presença inédita nas meias-finais da Taça de Portugal

A última vez que uma equipa do terceiro escalão do futebol português chegou às meias-finais da Taça de Portugal foi há 16 anos. O Caldas ou Farense podem suceder ao Leixões neste registo histórico.

O Caldas Sport Club prepara por estes dias uma presença, inédita, nos quartos-de-final da Taça de Portugal. O clube amador defronta o Farense esta quarta-feira num duelo entre equipas do Campeonato de Portugal.

PUB

Antes de mais um treino de preparação para o jogo dos quartos-de-final da taça de Portugal, o técnico José Vala recebe os jogadores à porta do balneário.

Os treinos que antecedem o jogo com o Farense servem apenas de recuperação. É que o Caldas jogou este domingo nos Açores, e apenas chegou na madrugada seguinte a Lisboa. Uma noite mal dormida para uma equipa amadora com 72 horas para recuperar para um dos jogos mais importantes da história do clube.

Desde 30 de dezembro, dia em que o Caldas eliminou a Académica de Coimbra, o clube amador vive um momento de euforia. Até no aeroporto os jogadores se cruzaram com um adepto, vindo da Alemanha para o jogo desta quarta-feira.

No jogo com a Académica foram 10.000, contas do clube, os que torceram dentro e fora do campo da Mata, o "mini Jamor" de Caldas da Rainha. Para os jogadores, diz José Vala, esta quarta-feira é mais uma oportunidade para os jogadores, a maioria da formado no clube, jogarem com o estádio cheio.

Num percurso histórico na Taça de Portugal, o Caldas está às portas das meias-finais.