Críticas à arbitragem valem multa de 15 mil euros ao FC Porto

Em causa estão as críticas dos dragões à arbitragem durante o jogo entre o Feirense e o Benfica, que os encarnados venceram por 1-4.

O FC Porto foi hoje condenado a pagar uma multa de 15.300 euros pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), por críticas à arbitragem do Feirense Benfica, que os 'encarnados' venceram por 4-1.

Além dos 'dragões', que vão desembolsar um valor alto por declarações difundidas pela 'newsletter' Dragões Diário, também o lanterna-vermelha do campeonato, já despromovido à II Liga, terá de pagar 9.560 euros.

No caso dos 'fogaceiros', as críticas à arbitragem do encontro, que teve várias intervenções do vídeoárbitro (VAR), foram deixadas nas redes sociais do clube de Santa Maria da Feira.

Bruno Paixão foi o árbitro principal de um encontro que os 18.º e último classificado começaram a ganhar, com um golo de Sturgeon, mas em que os líderes do campeonato, com mais dois pontos que o campeão em título FC Porto, igualaram de penálti, aos 40, por Pizzi.

No segundo tempo, as 'águias' consumaram a reviravolta com um 'bis' do suíço Seferovic, melhor marcador do campeonato, e um golo de André Almeida.

Continuar a ler