atletas

Guarda da Marinha é primeiro português na prova de triatlo mais exigente do mundo

Miguel Carneiro vai fazer 2.260 quilómetros a nadar, pedalar e correr quase sem pausas. O cronómetro não irá parar até que estejam terminadas as três etapas.

Começou a praticar triatlo quando entrou para a Marinha. Na altura, começou por preparar-se da melhor forma para as provas de natação então exigidas.

Mas o gosto por ir mais longe levou Miguel Carneiro a participar nas provas de Ironman, de triatlo a longa distância.

Já fez o máximo que existe nesta modalidade, o triplo Ironman, há dois anos na Alemanha. "Fiz em cerca de 51 horas. Iniciei a natação às sete horas da manhã, fiz 11,6 quilómetros de natação, e, de seguida, parti para 540 quilómetros [de ciclismo]", conta. No ciclismo levou o resto do dia e a noite.

"Quando estava quase a ser dia, já estava sonolento, e quase a adormecer em cima da bicicleta", lembra. Foi obrigado a fazer uma paragem de meia hora para dormir, e, a seguir, continuou para a corrida. A prova, que tinha começado na sexta-feira de manhã, só acabou no domingo por volta da hora de almoço.

No próximo mês, este Polícia dos Estabelecimentos da Marinha vai responder ao maior desafio de todos: participar naquela que é considerada a prova de triatlo mais exigente do mundo. Tem um total de 2.260 quilómetros: 38 quilómetros de natação em piscina, 1.800 de ciclismo, e, a terminar, 422 quilómetros de corrida, dez vezes mais do que uma maratona.

E o cronómetro não irá parar até que estejam terminadas as três etapas.

Miguel só leva planeado fazer de seguida os 38 quilómetros de natação. "A privação do sono é uma coisa que não se sabe como vai funcionar", explica. Por isso, só no local verá como vai decorrendo a prova que deverá durar cerca de 14 dias.

O guarda Miguel Carneiro tem vindo a preparar-se ao longo dos anos, mas considera que mais importante do que a preparação física é conseguir comandar a cabeça neste esforço quase sobre-humano."A parte psicológica é a mais importante, é o que nos faz resistir dia após dia."

Nesta prova de resistência e superação só participarão dez atletas de vários pontos do mundo. Miguel Carneiro é o único português a responder ao desafio.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de