"Leonel Pontes é um treinador que gosta de futebol ofensivo e é rigoroso nos detalhes"

Em declaração à TSF, o antigo colega de Leonel Pontes, João Aroso, traça o perfil do novo técnico do Sporting.

João Aroso trabalhou durante oito anos com Leonel Pontes: quatro no Sporting, quatro na Seleção Nacional, numa equipa técnica na altura chefiada por Paulo Bento. Em entrevista à TSF, João Aroso fala do método de trabalho do novo líder dos leões, alguém que bem conhece.

"Coloca uma exigência muito grande no trabalho, o que tem implicações na intensidade com que se treina e, consequentemente, na intensidade com que se joga. É claramente um treinador que gosta de futebol ofensivo e alguém rigoroso nos detalhes. Ou seja, apesar de eu dizer que é um treinador que tem um estilo ofensivo, não quer dizer que não seja detalhista naquilo que é a organização defensiva ou os momentos de transição", retrata João Aroso.

O treinador de futebol, que ocupou o cargo de preparador físico do Sporting entre 2003 e 2009, recorda, à TSF, qual o sistema de jogo que Leonel Pontel costuma utilizar: "Tem no seu percurso como treinador principal, embora não tenha acompanhado muito bem as experiências no estrangeiro, mais um registo, em termos de sistema de jogo, de um 4x3x3. Agora, no Sporting, seguramente ele vai olhar para as características dos jogadores e vai procurar encontrar a melhor configuração, ou até mais que uma, eventualmente."

João Aroso considera complicado explicar o que pode mudar no estilo de jogo dos leões, devido às mudanças de última hora que se verificaram no plantel antes do fecho do mercado de transferências: "É difícil a comparação com a era Keizer porque há jogadores diferentes, uns que saíram outros que entraram, e isso pode levar a dinâmicas e perspetivas diferentes."

O antigo técnico do SC Braga B adianta que Leonel Pontes vive o trabalho com grande intensidade: "É alguém quem tem uma capacidade e uma dedicação ao trabalho enorme. Vive o futebol com uma intensidade muito grande e que transmite essa energia na forma como está no campo."

João Aroso relembra ainda o percurso de Leonel Pontes no mundo do futebol e explica que as experiências que o novo treinador do Sporting vivenciou podem ser bastante úteis nesta mudança para Alvalade: "Ele tem um percurso de alto nível como treinador, e sobretudo como adjunto no Sporting e Seleção Nacional, onde é importante ter a característica da liderança, de uma forma diferente. Claro que nesses contextos de adjunto não somos nós os líderes máximos, não é a mesma coisa que ser o treinador principal. Mas ainda assim lidamos com jogadores de grande nível, como os que quem ele vai ter agora de lidar. E isso dá bastante preparação. Mas depois ele tem um percurso também já grande como treinador principal. É certo que num nível diferente, até em vários países, e recentemente também vinha a fazer um trabalho muito bom nos sub-23 do Sporting que, com certeza, ajudou nesta decisão da direção."

O antigo preparador físico dos leões garante que Leonel Pontes é alguém que dificilmente vai construir más relações não só no balneário, como também no clube: "Sempre se deu muito bem com os jogadores e com as estruturas. Sempre foi alguém de quem se gosta, porque é competente, bom profissional e bom caráter, e tudo fica facilitado quando assim é." O caráter até é uma das principais características do novo técnico dos leões: "É muito boa pessoa. É alguém com princípios, é muito bem formado. E isso - continuo a acreditar - é uma característica muito importante para se se melhor profissional", remata João Aroso.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de