Portugal e Espanha estudam candidatura conjunta ao Mundial de 2030

Notícia foi avançada em comunicado pelas duas federações de futebol. Portugal colocou com condição essencial não ter de construir qualquer estádio para o evento.

* Notícia atualizada às 15h15 com declarações do secretário de Estado do Desporto

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e a Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) vão estudar a possibilidade de organizarem conjuntamente o Mundial de 2030, revelou este sábado a FPF em comunicado.

"A Federação Portuguesa de Futebol e a Real Federação Espanhola de Futebol realizaram uma série de reuniões nas últimas semanas e confirmam que vão iniciar juntas um vasto processo de análise sobre a possibilidade de apresentar uma candidatura conjunta para a organização do Campeonato do Mundo de 2030", pode ler-se na nota.

No mesmo comunicado, a FPF salienta que "os Governos dos dois países estão a par deste processo e serão obviamente cruciais nos próximos desenvolvimentos".

A TSF apurou entretanto que o presidente da FPF, Fernando Gomes, colocou como condição essencial Portugal não ter de construir um único estádio para o evento, devendo ser aproveitado todo o investimento feito para o Euro2004.

A última grande competição futebolística que Espanha organizou foi o Mundial de 1982. Portugal organizou o Euro2004. Ambos os países já organizaram também a final da Liga dos Campeões de clubes.

Ouvido pela TSF, o secretário de Estado do Desporto diz estar atento e informado sobre o interesse manifestado pela Federação Portuguesa de Futebol mas adianta que ainda é muito cedo para se falar de uma candidatura.

Ainda assim, João Paulo Rebelo promete o envolvimento do Executivo mas lembra que para já é a vez das federações se entenderem.

Questionado sobre a condição colocada pela FPF de não se construir qualquer estádio, o governante diz estar de acordo, salvo algumas reparações que possam ser necessárias nas estruturas já existentes.

Esta possível candidatura de Portugal e Espanha pode, no entanto, esbarrar na vontade já manifestada pela Argentina e pelo Uruguai de organizar o mesmo Mundial. Ouvido pela TSF, o comentador João Rosado recorda que 2030 é também o ano do centenário de organização de mundiais de futebol e o primeiro mundial realizou-se precisamente no Uruguai.

Continuar a ler

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de