Portugal perde final do Euro sub-19 contra Espanha por duas bolas a zero

Portugal falhou este sábado o quinto título europeu de futebol de sub-19 e segundo consecutivo, na primeira final do Europeu da categoria em que se encontrou a recordista de vitórias Espanha.

A seleção portuguesa de futebol de sub-19 falhou este sábado a revalidação do título europeu, ao perder por 2-0 com a congénere da Espanha, na final do Campeonato da Europa do escalão, disputada em Erevan.

A equipa orientada pelo selecionador Filipe Ramos foi incapaz de contrariar a supremacia da rival ibérica, confirmada com dois golos do avançado Ferrán Torres, aos 34 e 51 minutos, que permitiram à seleção espanhola conquistar o 11.º título europeu de juniores (oitavo no formato de sub-19), um recorde da competição.

A seleção portuguesa, que disputou pela terceira vez consecutiva a final do Europeu de sub-19, falhou a revalidação do título conquistado em 2018, depois de também se ter sagrado campeã em 1961, quando a prova se designava Torneio Internacional de Juniores, e em 1994 e 1999, sob o formato de Campeonato da Europa de sub-18.

Para chegarem à final do Europeu, que termina este sábado na Arménia, os dois países integraram o mesmo Grupo A e apuraram-se para as meias-finais, então com vantagem da equipa das 'quinas', treinada por Filipe Ramos, pela diferença entre golos marcados e sofridos.

Frente à Espanha, Portugal apresentou-se com o mesmo onze que disputou o jogo das meias-finais frente à Irlanda.

Onze de Portugal: Celton Biai; Costinha, Gonçalo Loureiro, Gonçalo Cardoso e Tomás Tavares; Vítor Ferreira, Diogo Capitão e Fábio Vieira; João Mário, Gonçalo Ramos e Félix Correira.

Suplentes de Portugal: Francisco Meixedo, Tiago Lopes, Levi Faustino, Samuel Costa, Daniel Silva, Rodrigo Fernandes, Tiago Gouveia, António Gomes e Tiago Rodrigues.

Onze de Espanha: Tenas; Gómez, García, Hugo Gillamón e Miranda; Moha, Blanco e Sergio Gómez; Torres, Ruiz e Gil.

Suplentes de Espanha: Fernández, Chust, Sánchez, Orellana, Marqués, Mollejo, Sanz, Gutiérrez e Barrenetxea.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de