Desporto

Telma Monteiro, João Silva e Tomaz Morais distinguidos pela Confederação do Desporto

A judoca Telma Monteiro, o atleta de triatlo João Silva, o treinador de râguebi Tomaz Morais, entre outros, mereceram distinções na 15.ª Gala da Confederação do Desporto de Portugal.

Na gala, que decorreu esta terça-feira à noite no Casino Estoril, a judoca Telma Monteiro, vice-campeã do Mundo de judo, conquistou a maioria dos votos, depois de ter sido nomeada «cinco vezes» para o prémio de atleta feminina do ano.

No sector masculino, venceu o atleta de triatlo João Silva, bicampeão europeu de sub-23. «Esta distinção é brutal», disse, mostrando-se muito surpreendido.

Na categoria de treinador da temporada 2009/10, o eleito foi o técnico de râguebi Tomaz Morais,  pelo facto de ter orientado a selecção portuguesa de "sevens" rumo aos títulos de campeã da Europa e campeã mundial universitária. O treinador manifestou «enorme surpresa» pela distinção.

Joana Vasconcelos, campeã da Europa de canoagem sub-23 em K2 200 metros e medalha de ouro na Taça do Mundo na mesma especialidade, recebeu o prémio de jovem promessa pelo segundo ano consecutivo.

Já o prémio "Mérito Desportivo", reservado a figuras de alto prestígio, foi dividido por dois dos maiores vultos do desporto português: Carlos Lopes e Rosa Mota.

Na gala da Confederação do Desporto de Portugal, foram ainda homenageados os campeões europeus e mundiais de 2010, já que Portugal conquistou desde Novembro de 2009 até hoje 62 títulos nas categorias de juniores e seniores em diversas modalidades.