Rúben Guerreiro

"Trabalhei muito para que este seja o ano da afirmação"  

Rúben Guerreiro é o campeão nacional de ciclismo de estrada. Em entrevista à TSF, abordou o início da temporada, que começa para a semana. O ciclista de 23 anos vai estar no Tour Down Under, na Austrália, "a volta a Portugal" dos Australianos.

No ano passado, Rúben Guerreiro foi o melhor português na prova que marca o arranque da época, tendo terminado no 18.º lugar. Chegou a andar no 'top 10' e com a camisola branca de melhor jovem, mas teve um dia mau na etapa mais dura e perdeu muito tempo. Este ano quer fazer melhor.

"Vamos ter etapas difíceis e espero estar com os melhores, testar as minhas pernas e fazer uma boa prestação na etapa rainha, que me ficou atravessada o ano passado, porque era décimo na geral, mas tive um mau dia e este ano espero fazer o contrário.

O ciclista corre pela Trek, equipa americana e vai estar numa prova importante, porque o Tour Down Under é para os australianos, como a Volta a Portugal para os portugueses.

O atleta natural de Pegões, Montijo, apontou algumas das dificuldades de adaptação para esta prova:" É importante realçar a distância, temos sempre de vir uma semana mais cedo para nos ambientarmos à diferença horária".

Considerado um dos ciclistas mais promissores do pelotão português, Rúben Guerreiro procura a melhor forma para atacar a temporada.

"Espero que seja o meu ano de afirmação. Espero fazer uma época regular. Trabalhei muito no inverno, ainda não estou a 100 por cento, mas o objetivo desta corrida é esse mesmo, ganhar forma para toda a temporada".

Para além de Rúben Guerreiro, vão estar também nesta corrida mais 5 portugueses: Rui Costa, Tiago Machado, José Gonçalves, Nelson Oliveira e Nuno Bico. O Tour Down Under decorre de 16 a 21 de janeiro.

  COMENTÁRIOS