Jogos Olímpicos: as maiores esperanças dos portugueses

Os Jogos Olímpicos arrancam esta sexta-feira e há vários atletas portugueses que carregam esperanças dos portugueses de trazer medalhas de Tóquio para Portugal.

A delegação lusa vai estar presente em 17 das 33 modalidades dos Jogos Olímpicos de 2020, em Tóquio, e a modalidade com mais representantes é o atletismo, a que tem maior protagonismo e história olímpica para os portugueses.

No atletismo, há quatro nomes incontornáveis. No triplo salto há logo três: Pedro Pablo Pichardo, que tem duas marcas acima dos 18 metros na carreira; Nélson Évora, campeão olímpico da disciplina por Portugal; e Patrícia Mamona, campeã europeia.

Depois há ainda Auriol Dongmo, no lançamento do peso, que chega aos Jogos também como campeã da Europa e recordista nacional. E claro, no atletismo, atenção aos marchadores João Vieira e Ana Cabecinhas.

No judo, há pelo menos quatro atletas com aspirações, com destaque para o campeão do mundo, Jorge Fonseca, e a medalhada olímpica Telma Monteiro.

Atenção ainda para Fernando Pimenta, na canoagem, vencedor da medalha de prata nos Jogos de Londres, em 2012 e também para Gustavo Ribeiro, um dos melhores atletas de skate do mundo. Isto, para não falar da promissora seleção de andebol.

No total, são 92 atletas portugueses, tal como no Rio de Janeiro, em 2016, o que representa a terceira maior comitiva de sempre de Portugal nuns Jogos Olímpicos, depois de Atlanta, em 1996 e Barcelona, em 1992.

Outro número bastante significativo: Portugal vai apresentar o maior número de mulheres de sempre: 36. Ou seja, quase 40% dos atletas portugueses são do sexo feminino.

MAIS SOBRE TÓQUIO 2020

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de