Lionel Messi bate recorde de Gerd Müller, com oitavo título de melhor marcador

Na Liga espanhola, o argentino, de 33 anos, já era o recordista desde a época passada, quando foi o melhor marcador pela sétima vez, deixando para trás Telmo Zarra, que tinha seis, pelo Athletic.

O argentino Lionel Messi, jogador do FC Barcelona, conquistou esta segunda-feira pela oitava vez o título de melhor marcador da Liga espanhola de futebol, um feito inédito nos cinco principais campeonatos.

Entre La Liga, Premier League, Seria A, Bundesliga e Ligue 1, o '10' do 'Barça' é o primeiro a conseguiu oito troféus de melhor marcador, superando os sete do alemão Gerd Müller, arrebatados entre 1966/67 e 77/78, ao serviço do Bayern Munique.

Com 30 golos, em 35 jogos, o avançado argentino repetiu os feitos de 2009/10 (34), 2011/12 (50), 2012/13 (46), 2016/17 (37), 2017/18 (34), 2018/19 (36) e 2019/20 (25), sendo que ninguém jamais vencera cinco de rajada.

Exceto na época passada e na presente, batido pelo polaco Robert Lewandowski, que marcou 41 golos pelo Bayern Munique, Messi juntou sempre o 'pichichi' à 'Bota de Ouro', sendo igualmente o 'rei' desse prémio, com seis vitórias.

Na Liga espanhola, o argentino, de 33 anos, já era o recordista desde a época passada, quando foi o melhor marcador pela sétima vez, deixando para trás Telmo Zarra, que tinha seis, pelo Athletic (1944/45, 45/46, 46/47, 49/50, 50/51 e 52/53).

Em relação aos outros campeonatos do 'top 5', destaque para Jimmy Greaves, que foi seis vezes o 'rei' dos goleadores em Inglaterra, duas pelo Chelsea (1958/59 e 60/61) e quatro ao serviço do Tottenham (1962/63, 63/64, 64/65, 68/69).

Na Serie A, também há um líder a solo, o sueco Gunnar Nordahl, do AC Milan, que foi o 'capocannoniere' em cinco ocasiões (1949/50, 50/51, 52/53, 53/54 e 54/55).

Quanto à Ligue 1, líder um trio, também cinco vezes vencedores, incluindo dois argentinos, Carlos Bianchi (três vezes pelo Reims e duas pelo PSG, entre 1973/74 e 78/79) e Delio Onnis (duas pelo Mónaco, duas pelo Tours e uma pelo Toulon, ente 1974/75 e 83/84).

Por seu lado, o 'anfitrião' Jean-Pierre Papin também 'reinou' cinco vezes, de forma consecutiva, de 1987/88 a 91/92, sempre ao serviço do Marselha. Na presente temporada, Kylian Mbappé, de apenas 22 anos, somou a terceira seguida.

Quanto à Bundesliga, e além dos sete títulos de Müller, vencedor em 1966/67, 68/69, 69/70, 71/72, 72/73, 73/74 e 77/78, destaque para o sexto alcançado esta época por Lewandowski, depois de 2013/14, 15/16, 17/18, 18/19 e 19/20, o primeiro ainda ao serviço do Borussia Dortmund.

Com os 30 golos marcados na edição de 2020/21, e além do oitavo pichichi, Messi reforçou a liderança no total de golos, somando agora 474 golos, mais 162 do que o português Cristiano Ronaldo, que, em nove anos no Real Madrid, logrou superar o argentino em 2010/11, 2013/14 e 2014/15.

Além dos três pichichis, Ronaldo também foi uma vez o melhor marcador da Premier League, em 2007/08, pelo Manchester United, e esta época repetiu o feito na Serie A, pela Juventus, somando agora cinco títulos de melhor marcador.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de