Luis Enrique deixa selecção espanhola e já tem sucessor

O treinador ocupava o cargo desde 2018. Luis de la Fuente será o sucessor no cargo.

A Real Federação Espanhola de Futebol comunicou, esta quinta-feira, que Luis Enrique já não é selecionador de Espanha.
A comunicação oficial surge nem 48 horas após a eliminação espanhola diante de Marrocos, nas grandes penalidades, nos oitavos de final do Mundial do Catar. "A RFEF quer agradecer o trabalho de Luis Enrique e de toda a sua equipa técnica à frente da seleção nacional durante os últimos anos", lê-se no comunicado.

Luis de la Fuente, selecionador dos sub-21, será o sucessor no cargo, de forma a iniciar a preparação do apuramento para o Euro-2024 (Espanha está no grupo A, com Geórgia, Chipre, Escócia e Noruega).

Luis Enrique, de 52 anos, ocupava o cargo de selecionador espanhol desde 2018, altura em que, após o Mundial da Rússia, sucedeu a Fernando Hierro.

No total, Luis Enrique fez 40 jogos oficiais como selecionador, somando 23 vitórias, 12 empates e 5 derrotas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de