Ministério Público recorre da decisão sobre E-Toupeira

O processo vai ser analisado pelo Tribunal da Relação de Lisboa. Em causa a decisão de ilibar a Benfica SAD e o arguido Júlio Loureiro.

O Ministério Público já pediu recurso sobre a decisão da fase de instrução do processo E-Toupeira. A informação foi confirmada à TSF pela Procuradoria-Geral da República.

Em causa o facto da juíza de instrução Ana Peres ter decidido não levar a julgamento a SAD do Benfica e o arguido Júlio Loureiro.

A decisão vai agora ser analisada pelo Tribunal da Relação de Lisboa.

Na fase de instrução, a juíza decidiu levar Paulo Gonçalves, ex-assessor jurídico do Benfica a julgamento por corrupção. José Augusto Silva, funcionário judicial e alegado corrompido é também julgado pelo crime de violação do segredo profissional.

LEIA TAMBÉM:

- E-toupeira: Ministério Público vai recorrer da decisão de ilibar o Benfica

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados