Benfica escorrega em Moreira de Cónegos e arrisca ficar a 13 pontos do Sporting

Águias não foram além do empate a uma bola frente ao Moreirense e podem ficar ainda mais longe da liderança. Veja os golos.

O Benfica empatou este domingo 1-1 na deslocação ao terreno do Moreirense, num jogo da 19.ª jornada da I Liga, e pode terminar a ronda mais longe do líder Sporting.

O início do jogo foi equilibrado, mas o Benfica mostrou-se mais eficaz e, aos 25 minutos, inaugurou o marcador depois de um bom trabalho de Taarabt. O jogador tirou Fábio Pacheco do caminho e fez um bom passe para Seferovic, que entrou na área e, com um remate rasteiro, meteu a bola no fundo da baliza de Pasinato.

O empate do Moreirense chegou a cinco minutos do intervalo, de penálti, após falta de Grimaldo sobre Walterson. Chamado a converter a grande penalidade, o brasileiro Yan Matheus não tremeu. Enganou Helton Leite, com a bola a ir para o meio e o guarda-redes para o lado esquerdo. Estava feito o 1-1.

Com este resultado, o Benfica está em quarto, com 38 pontos, a dez do líder Sporting, que apenas joga na segunda-feira com o Paços de Ferreira e pode aumentar a vantagem. Os encarnados deixaram ainda o Sporting de Braga, que venceu o Santa Clara por 1-0, isolar-se no terceiro lugar, com 40, e não aproveitaram o empate do FC Porto, segundo com 41, frente ao Boavista por 2-2, para se aproximarem. Já o Moreirense, que somou o terceiro jogo no campeonato sem perder - duas vitórias e um empate -, está em sétimo, com 25 pontos.

O árbitro interrompe o jogo logo nos primeiros minutos depois de Rafa chocar com Abdu Conté. O jogador do Benfica não demora muito a recuperar e cumprimenta o adversário. Ao minuto 5, Taarabt mete a bola em Darwin que, dentro da área, remata com o pé direito. Pasinato encaixa a bola com segurança.

Aos 12 minutos, Darwin tenta servir Seferovic, mas surge um grande corte de Rosic. Excelente intervenção do central do Moreirense. Oito minutos depois, na cara de Pasinato, Rafa falha e desperdiça uma oportunidade de golo!

Num ataque perigoso do Moreirense, aos 22 minutos, valeu ao Benfica o corte de Grimaldo, para canto. Mas foram as águias que inauguraram o marcador, três minutos depois, por intermédio de Seferovic, que colocou a bola no canto esquerdo da baliza da equipa da casa.

Aos 30 minutos, Grimaldo bate um livre perigoso, perto da grande área do Moreirense, mas o esférico embate contra a barreira. Três minutos depois sai uma bomba de Walterson, mas vai direitinha contra Vertonghen, um central muito experiente, com 33 anos.

Nesta primeira meia hora de jogo, o Benfica tem estado consistente. Além do golo, as águias já tiveram três oportunidades de golo. Aos 37 minutos, o árbitro assinala penálti para o Moreirense, após falta de Grimaldo sobre Walterson. O jogador do Benfica recebe cartão amarelo e o lance ainda vai a análise por parte do VAR, que confirma a grande penalidade. Chamado a converter, Yan Matheus não falha e bate o guarda-redes Helton, que está a fazer o seu primeiro jogo com a camisola do Benfica na I Liga.

O árbitro Manuel Oliveira dá por concluída a primeira parte.

Recomeça o jogo! Tudo na mesma, sem alterações nas equipas. Os jogadores que iniciaram a partida estão em campo. Aos 51 minutos a partida é interrompida, com Yan Matheus queixoso, sentado no relvado. A equipa médica do Moreirense entra no relvado para assistir o jogador, que já não recupera e tem de ser substituído por Rafael Martins.

Sete minutos depois, Abdoulaye faz falta sobre Darwin, no limite da área, e é punido com um cartão amarelo. Aos 61 minutos, Diogo Gonçalves aposta num remate de muito longe e ganha um canto, depois de a bola bater num jogador do Moreirense antes de sair.

Na sequência deste lance de bola parada, Weigl sofre falta de um defesa da equipa da casa dentro da grande área. Antes de assinalar penálti, Manuel Oliveira vai visionar o lance, com a ajuda do VAR. A confirmar-se, será a primeira grande penalidade de que o Benfica beneficia este ano no campeonato. Após ver as imagens, o árbitro considera que não é penálti e mostra cartão amarelo a Weigl por simulação. O jogador do Benfica falha o jogo das águias na próxima jornada, em Faro.

Aos 73 minutos, Manuel Oliveira mostra cartão amarelo a Otamendi como consequência de uma falta do defesa do Benfica sobre Abdu Conté, lateral esquerdo do Moreirense. Três minutos depois, Jorge Jesus refresca as alas com duas alterações: saem Rafa e Everton, entram Waldschmidt e Pedrinho.

Pasinato tira o golo ao Benfica, aos 79 minutos, com uma defesa impressionante. Nega o golo, de cabeça, a Darwin. Aos 87 minutos, calafrio para as águias. Valeu à equipa de Jesus o bom corte de Vertonghen para canto. Na sequência deste lance de bola parada, Ferraresi cabeceia, mas o remate sai torto.

Aos 89 minutos, Derik mais uma vez perto do golo para o Moreirense, mas não recebeu bem a bola. O Benfica está muito partido no campo durante estes minutos finais, permitindo ao adversário criar situações de perigo. O árbitro dá 5 minutos de compensação. As águias estão cada vez mais perto de perder pontos em Moreira de Cónegos.

Terminou o jogo! O Benfica volta a tropeçar com o empate a uma bola frente ao Moreirense.

Onze do Moreirense: Pasinato; Ferraresi, Abdoulaye, Rosic e Abdu Conté; Lucas Silva, Filipe Soares, Fábio Pacheco e D'Alberto; Walterson e Yan Matheus

Onze do Benfica: Helton; Diogo Gonçalves, Otamendi, Vertonghen e Grimaldo; Rafa, Weigl, Taarabt e Everton; Seferovic e Darwin.

Suplentes do Moreirense: Miguel, Ibrahima, André Luís, David Simão, Afonso Figueiredo, Reynaldo, Galego, Derik e Rafael Martins.

Suplentes do Benfica: Vlachodimos, João Ferreira, Lucas Veríssimo, Gabriel, Waldschmidt, Cervi, Chiquinho, Pizzi e Pedrinho.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de