Sporting perde dois pontos em Moreira de Cónegos

Paulinho abriu o marcador aos 20 minutos, mas Walterson empatou perto do fim. Veja os golos.

O Sporting empatou esta noite frente ao Moreirense (1-1), perdendo dois pontos na corrida pelo título que foge há 19 anos. Os leões abriram o marcador por intermédio de Paulinho aos 20 minutos e tiveram várias oportunidades para alargarem a vantagem. Em cima dos 90, Walterson empatou num pontapé colocado indefensável para Adán, fixando o resultado final.

Para este encontro, o treinador Ruben Amorim deu a titularidade ao avançado Paulinho, ainda à procura do primeiro golo com a camisola leonina. No meio campo, aparecia o jovem Daniel Bragança ao lado de João Palhinha.

O jogo começou com ambas as equipas a lutarem pela posse de bola e o primeiro lance de algum perigo para as balizas pertenceu à formação da casa. Rafael Martins aproveitou o espaço e, à entrada da área, atirou por cima da baliza de Adán.

Mas o primeiro golo do jogo foi dos leões. Aos 20 minutos de jogo, Daniel Bragança trocou as voltas à defensiva do Moreirense, cruzou para a área e encontrou Paulinho. Num primeiro cabeceamento, Pasinato soltou para a frente e, na recarga, o avançado dos leões não falhou. Foi o primeiro golo de Paulinho com a camisola do Sporting para o campeonato.

Após o golo, o Moreirense quis ir à procura da resposta, mas a formação leonina apresentava-se com grande organização defensiva. Aos 33 minutos, Nuno Mendes foi carregado em falta e lesionou-se, obrigando o treinador a mexer na equipa. Para o lugar do internacional português, Rúben Amorim chamou Matheus Reis.

Em cima do intervalo, Paulinho aproveitou um deslize da defesa do Moreirense, foi à área e picou a bola por cima de Pasinato. O avançado do Sporting ainda festejou aquele que seria o segundo golo do jogo, mas o VAR anulou o lance por fora de jogo de Pedro Gonçalves.

Nos primeiros minutos da segunda parte, o Sporting voltou a criar muito perigo na área do Moreirense. Porro foi à linha cruzar, Paulinho tentou o cabeceamento, mas a bola sobrou para Pote. O melhor marcador do campeonato falhou o remate e, na recarga à entrada da área, Palhinha tentou à força, mas Pasinato encaixou a bola.

Aos 60 minutos, o Sporting voltou à área e Pote introduziu a bola na baliza adversária, mas o árbitro João Pinheiro anulou o lance por fora de jogo. O VAR confirmou o fora de jogo do jogador do Sporting por dois centímetros.

O Sporting manteve sempre o domínio na partida, mas não conseguia ultrapassar a barreira defensiva da equipa de Vasco Seabra. Ruben Amorim, preocupado em gerir a vantagem curta no jogo, quis arriscar e lançou no jogo Tiago Tomás para uma das alas.

Em cima dos 90, o Moreirense aproveitou a passividade da defesa leonina e foi feliz. Walterson aproveitou o espaço e surpreendeu Adán com um remate colocado, sem hipóteses de defesa. ​Rúben Amorim ainda acreditava no golo da vitória, puxou pelos jogadores, mas o resultado não mais se alterou.

O Sporting perde assim dois pontos em Moreira de Cónegos, dando ao FC Porto a possibilidade de criar maior pressão nesta reta final do campeonato.

Veja o resumo da partida:

Onze do Moreirense: Pasinato, Matheus Silva, Abdoulaye, Rosic, Abdu, Fábio Pacheco, Filipe Soares, Franco, Walterson, Pires e Rafael

Onze do Sporting: Adán, Gonçalo Inácio, Coates, Feddal, Porro, Palhinha, Bragança, João Mário, Nuno Mendes, Pote e Paulinho

Suplentes do Moreirense: Kewin Silva, D'Alberto, Ferraresi, Lucas Silva, André Luís, Yan Matheus, Steven Vitória, David Simão e Alex Soares

Suplentes do Sporting: Maximiano, Matheus Reis, Tabata, Matheus Nunes, Nuno Santos, Neto, Tiago Tomás, João Pereira e Jovane

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de