Morreu Kobe Bryant, lenda do basquetebol norte-americano

Antigo jogador tinha 41 anos.

O ex-basquetebolista norte-americano Kobe Bryant morreu este domingo após o helicóptero em que seguia ter caído na cidade de Calabasas, em Los Angeles, Califórnia.

A notícia é avançada pelo site norte-americano TMZ , que explica que o antigo jogador, de 41 anos, seguia a bordo do seu helicóptero privado quando o aparelho se despenhou e incendiou. As autoridades da cidade confirmaram a existência de nove vítimas mortais - o piloto e oito passageiros -, sendo que ninguém sobreviveu a este acidente. Não são conhecidas as causas da queda do aparelho.

"Choramos a morte trágica e fora do tempo do ícone da Califórnia e lenda do basquetebol Kobe Bryant", pode ler-se num comunicado do Governador da Califórnia, Gavin Newsom.

A ESPN confirmou que também a filha mais velha do atleta, Gianna, de 13 anos de idade, estava no helicóptero e perdeu a vida.

Kobe Bryant representou os LA Lakers durante toda a sua carreira profissional na NBA, tendo realizado a sua última partida em abril de 2016, na qual marcou 60 pontos frente aos Utah Jazz, e tornou-se o jogador mais velho a anotar pelo menos 50 pontos num jogo na NBA.

O aparelho acidentado foi identificado pela Administração Federal de Aviação como um Sikorsky S-76. Este acidente acontece horas depois de Bryant ter sido ultrapassado por LeBron James na terceira posição da lista de jogadores com mais pontos de sempre da NBA.

No sábado, depois de ser superado, o ex-jogador deu os parabéns a LeBron James através do Twitter: "Continua a levar o jogo para a frente King James. Muito respeito irmão".

Kobe Bryant foi campeão da NBA por cinco vezes, numa carreira que começou em 1996 e durou 20 anos. Venceu também o ouro olímpico por duas vezes, tendo feito parte das seleções olímpicas norte-americanas de 2008 e 2012.

Notícia atualizada às 22h52.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de