Mourinho assegura não castigar ninguém pela goleada em Barcelona

José Mourinho assegurou, esta sexta-feira, hoje não ter «posto nenhuma cruz» em jogadores, nomeadamente Marcelo, Ozil e Benzema, pela má exibição na goleada sofrida pelo Real Madrid frente ao FC Barcelona (5-0), em jogo da Liga espanhola de futebol.

Em conferência de imprensa, o treinador português quis colocar um ponto final no 'clássico' de segunda feira, referindo que se tratava de "uma análise pragmática, honesta e sintética" sobre o que aconteceu em Nou Camp.
   
«Uma equipa jogou muito bem e ganhou. Outra esteve muito mal e perdeu. Uma mereceu ganhar e a outra perder, mas obviamente que não pus uma cruz a ninguém», referiu o técnico.
   
Mourinho disse ainda que, do seu ponto de vista, se já marcou três ou quatro ao FC Barcelona, por que razão não podem eles marcar quatro ou cinco.
   
«Se até hoje eles ficavam cabisbaixos pela Champions (o FC Barcelona foi eliminado pelo Inter Milão quando José Mourinho treinava na última época os italianos), por que razão não devo eu aguentar os cinco (golos). O futebol é assim. Se queres estar 20 anos, não podes pensar que é sempre favorável», sublinhou.
   
Em relação à maior goleada que alguma vez sofreu, o treinador disse que é preciso ter uma mente aberta, caso contrário não se tem a possibilidade de sobreviver no Mundo do futebol.
   
«Se a minha carreira tivesse terminado depois de ganhar a última Champions isto não sucederia. Mas quando queres continuar muitos anos, acontecerá. É como um 'boomerang', vai e volta», salientou o treinador.
   
Como já tinha referido antes do 'clássico', sublinhando que nada seria definitivo, Mourinho voltou a dizer o mesmo aos seus jogadores para lhes levantar o ânimo antes da recepção de sábado ao Valência.
   
«Do mesmo modo que temos que esquecer as vitórias quando um jogo termina, há que fazê-lo com a derrota. Se ganhas 5-0 e pensas que isso te vai ajudar no jogo seguinte, então vais ter dificuldades. E ao contrário é a mesma coisa».

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de