Novo infetado no Olympiacos adia novamente final da Taça da Grécia

Depois de Rúben Semedo, o segundo caso confirmado foi do jovem extremo argentino Maximiliano Lovera.

Um novo caso de Covid-19 no Olympiacos ditou o adiamento, para data incerta, da final da Taça de futebol com o AEK de Atenas, naquele que é o segundo protelamento do jogo, confirmou este domingo a federação.

"Na sequência de um caso de Covid-19 num jogador do Olympiacos, a Comissão de Assuntos Extraordinários da Federação Grega de Futebol decidiu adiar a final da Taça da Grécia, este domingo, da época 2019-2020 entre AEK e Olympiacos. A nova data da final será fixada nos próximos dias pela Comissão de Assuntos Extraordinários", assumiu o organismo.

Depois de o português Rúben Semedo ter estado infetado na equipa orientada por Pedro Martins, o segundo caso confirmado foi do jovem extremo argentino Maximiliano Lovera.

O jogo decisivo teve como primeira data prevista o dia 26 de julho, contudo foi adiado para hoje por falta de garantias de segurança.

Na altura, a polícia admitiu não poder comprometer-se a evitar possíveis problemas entre os adeptos das duas equipas no polivalente estádio Giorgios Kamaras, em Atenas, onde joga o Apollon Smyrnis.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de