O "orgulho de Gaia" quer surpreender o Dragão. Coimbrões sonha com feito histórico

SC Coimbrões-FC Porto joga-se no sábado, às 18h45, com relato na TSF.

O Sporting Clube de Coimbrões foi criado a 25 de outubro de 1920 por um grupo de jovens trabalhadores, um deles Joaquim Silva Matos, que dá o nome ao estádio.

Um dos maiores feitos da história do clube não foi, no entanto, nos relvados: em 1978, Belmiro Silva venceu a Volta a Portugal em bicicleta com a camisola do SC Coimbrões.

No futebol clube ganhou mais expressão a partir de 2009/2010, quando foi promovido à terceira divisão do futebol português, patamar em que ainda se mantém.

O Parque Silva Matos, com capacidade para cerca de 1500 adeptos, não passou na vistoria da Federação Portuguesa de Futebol, por motivos de segurança e iluminação, que condicionavam a transmissão televisiva da partida.

Assim, o palco do jogo para a Taça de Portugal, relativo terceira eliminatória, será no Estádio Dr. Jorge Sampaio, em Pedroso, curiosamente a "casa" da equipa B do Futebol Clube do Porto, na II Liga.

Para o presidente do SC Coimbrões, Vítor Oliveira, o desejo é de causar "uma grande surpresa. Como um clube ambicioso, temos as nossas ambições, vamos tentar, como sempre, lutar por um bom resultado. Sabemos as dificuldades que vamos encontrar, mas naturalmente que vamos entrar em campo com o intuito de discutir o resultado, mesmo sabendo que temos uma percentagem muito reduzida de ter êxito, é a isso que nos vamos agarrar, refere.O líder diretivo do SC Coimbrões quer dar sentido ao lema "o orgulho de Gaia".

Na opinião do treinador Pedro Alves, o importante é que a equipa consiga passar uma boa imagem, "o que vou pedir aos jogadores, assim como pedem os adeptos é que "eles lutem até cair".

A tarefa, reconhece, é de enorme dificuldade, e "mesmo sabendo que vamos defrontar um gigante do futebol português, queremos discutir cada lance como se fosse o último, retardando ao máximo o poderio do Futebol Clube do Porto, conseguindo aproveitar ao máximo quando tivermos a posse de bola, aproveitando para tentar mostrar a nossa qualidade", espera o técnico da equipa que esta temporada já afastou dois adversários na Taça de Portugal

Na 1.ª eliminatória o SC Coimbrões venceu o Sport Clube da Régua por 4/1.

A seguir, também a jogar em casa, o SC Coimbrões afastou o Grupo Desportivo do Prado por 3/1.

Agora é a vez de medir forças com o "vizinho" Futebol Clube do Porto.

Um dos sub-capitães, Mário Pereira, "uma boa eliminatória seria vencer, mas sabemos que para além de uma enorme superação, e podem contar com isso da nossa parte, temos que ter alguma sorte que nos acompanhe e que permita tirar mais alguma coisa do jogo... quem sabe conseguir uma surpresa", acrescenta um dos jogadores do plantel do SC Coimbrões.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados