Pauleta e Tiago Brito reintegrados na seleção de futsal

Teste positivo de Pauleta ao coronavírus obrigou também o colega de quarto, Tiago Brito, a cumprir um período de isolamento.

Os internacionais portugueses Pauleta e Tiago Brito chegaram esta segunda-feira à Lituânia, após um período de isolamento devido ao novo coronavírus, e completaram a seleção portuguesa de futsal no dia da estreia, frente à Tailândia.

Os dois alas não viajaram com a restante comitiva para Kaunas, na quinta-feira, pois Pauleta testou positivo ao novo coronavírus, que provoca a doença Covid-19, enquanto Tiago Brito teve de permanecer em isolamento profilático, por ser colega de quarto.

Assim, o selecionador Jorge Braz tem todo o plantel à disposição, a poucas horas da estreia, contra a Tailândia, agendada para as 20h00 locais (18h00 em Lisboa), na Zalgiris Arena, em Kaunas, embora seja expectável que os dois jogadores, do Sporting e do Sporting de Braga, respetivamente, não sejam ainda opção para a partida inaugural.

No momento da chegada dos atletas ao hotel onde a equipa das 'quinas' se encontra hospedada, no centro de Kaunas, onde foram recebidos por todo o grupo de trabalho, Jorge Braz considerou ser um "momento feliz" por "ver novamente a família toda reunida", em declarações ao sítio oficial da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

O Mundial de futsal arrancou no domingo, com uma goleada da Rússia ao Egito, por 9-0, e prolonga-se até 3 de outubro, nas cidades lituanas de Kaunas, Vilnius e Klaipeda.

Após a estreia com a Tailândia, os campeões europeus voltam a jogar na quinta-feira, com as Ilhas Salomão, de novo em Kaunas, enquanto o último jogo da fase de grupos disputa-se no domingo, na Svyturys Arena, em Klaipeda, com Marrocos. Apuram-se para a fase a eliminar os dois primeiros de cada grupo e os quatro melhores terceiros.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de