Pavilhão João Rocha. "Fui convidado e estarei presente", garante Vicente Moura

Demitiu-se da direção em maio, em choque com Bruno de Carvalho, mas estará quarta-feira na inauguração a convite do clube. "É a concretização de um sonho", diz.

O ex-vice presidente para as modalidades vai estar presente na inauguração do novo pavilhão do Sporting. Vicente Moura, que se demitiu de funções a 13 de maio, confirmou-o à TSF esta terça-feira e diz-se "extraordinariamente feliz".

"Acho que vai ser muito bom para as diversas modalidades do Sporting, porque passam a ter uma casa, que até agora não tinham", começa por dizer ao jornalista da TSF Rui Lavaredas. "É preciso ver que o Sporting trabalha em 14 pavilhões na grande Lisboa, para conseguir dar treinos e preparar-se para competições. Jogávamos sempre em casa fora do clube...", lamenta.

"Essa particularidade de jogar em casa é sempre uma mais-valia. O Sporting vai ter a possibilidade de ter ali o pavilhão cheio dos seus adeptos, dos seus sócios, a puxar pelas suas equipas. Estou extraordinariamente feliz e estou satisfeito por estar presente."

Vicente Moura, que saiu da direção do clube após declarações de Bruno de Carvalho no Facebook, revelou que foi convidado pelo Sporting e tira o chapéu a Bruno de Carvalho. "Fui convidado e estarei presente. É uma ocasião é muito importante para o Sporting Clube de Portugal e, de certa maneira, é uma ocasião muito importante para a cidade de Lisboa."

E continuou: "Lisboa vai dispor de um excelente pavilhão, com três mil lugares de lotação, atualizado, moderno. Por outro lado, era um sonho de muitos anos, é a concretização de um sonho. Há quatro anos, quando fomos eleitos, ainda tínhamos essa ideia em perspetiva, mas depois realizou-se... e isso deve-se ao dr. Bruno de Carvalho".

A inauguração do Pavilhão João Rocha está agendada para quarta-feira, pelas 18h30.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de