Portugal e Itália empatam no Mundial de hóquei em patins em jogo de equilíbrios

Henrique Magalhães e Gonçalo Alves marcaram para Portugal, enquanto Giulio Cocco e Francesco Campagno fizeram os golos italianos.

Portugal e Itália empataram na terça-feira a dois golos, num equilibrado encontro da segunda jornada do Grupo A do campeonato do Mundo de hóquei em patins, que está a decorrer em San Juan, na Argentina.

A primeira parte, apesar de bastante equilibrada, começou com uma maior pressão da seleção italiana, que, nos minutos iniciais, deu bastante que fazer ao guarda-redes Pedro Henriques.

Ainda assim, o guardião luso esteve à altura do desafio e revelou-se um verdadeiro 'gigante', negando sempre os golos aos italianos.

O marcador acabou por funcionar nos últimos três minutos da primeira parte, com dois tentos quase seguidos.

A Itália marcou primeiro, através de um livre direto apontado por Giulio Cocco, e, na resposta, Portugal igualou com um golo de Henrique Magalhães, após um passe certeiro de João Rodrigues.

A segunda parte começou com uma grande penalidade a favor de Portugal e Gonçalo Alves, que parece estar em gestão, depois de no primeiro jogo ter saído com queixas no joelho, entrou pela primeira vez em jogo para fazer a reviravolta lusa.

Mas, o equilíbrio continuou a ser a palavra de ordem e a Itália manteve uma pressão intensa.

O golo do empate acabaria por surgir num remate de meia distância de Francesco Campagno, num lance que acabou por trair Pedro Henriques, que não viu a bola partir e, por isso mesmo, não conseguiu defender a bola, aos 38 minutos.

Itália e Portugal dividem, desta forma, a liderança do grupo A, adiando assim decisões para a última ronda. Hoje, a formação portuguesa defronta o Chile, depois dos italianos jogarem com a França, o que permitirá à equipa lusa saber o que necessita.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de