Quem será herói no Jamor?

Bruno Fernandes, Luiz Phellipe ou Bas Dost? Marega, Soares ou Adrian? Quem poderá decidir a final da Taça deste sábado, no Jamor? Eis algumas pistas, em função dos números dos principais goleadores das duas equipas finalistas.

Como já se tornou costume, encerramos a série especial de Números Redondos de antevisão da final da Taça de Portugal com as nossas apostas no que toca aos possíveis heróis do jogo do Jamor.

Independentemente dos favoritismos coletivos, e até do resultado final, há um nome que tem tudo para brilhar nesta final: Bruno Fernandes.

O jogador leonino é até ao momento o melhor marcador da presente edição da Taça, com seis golos - marcou um golo em cada jogo que o Sporting realizou, tendo sido absolutamente decisivo por exemplo nos dois jogos da meia-final contra o Benfica.

Além disso, Fernandes é o grande goleador da temporada em Portugal, apesar de ser centro-campista, com 32 golos marcados em todas as competições, mais cinco do que o segundo melhor (Seferovic), batendo mesmo o recorde de golos apontados por um médio numa só época a nível europeu. Como se isto fosse pouco, merece ainda o estatuto de jogador mais influente da liga portuguesa com 20 golos e 13 assistências, carregando às costas o Sporting. Basta dizer que teve influência direta em 46% dos golos apontados pelos leões na liga portuguesa.

Do lado portista é inegável a importância de Marega na manobra da equipa e na conclusão das jogadas. O maliano foi o melhor marcador da equipa nesta temporada, a par de Soares, ambos com 21 golos, mas conseguiu também muitas assistências, sendo desta forma o mais influente entre os dragões.

Além destes dois protagonistas incontornáveis, há outros dois avançado que têm a seu favor o hábito de marcar ao oponente: no Sporting, Luiz Phelippe, que leva sete golos nos últimos dez jogos (ou seja desde que se tornou titular), possuiu uma boa contabilidade perante o Porto, com três golos apontados em quatro jogos, tanto ao serviço do Paços de Ferreira como do Sporting. Já Tiquinho Soares gosta de marcar aos leões, somando já um total de quatro golos - um pelo Vitória de Guimarães e três pelo Porto.

Finalmente, convém não esquecer Bas Dost, que apesar das lesões ainda conseguiu assinar 22 golos na presente temporada e Adrian Lopez que esta época praticamente só foi titular do Porto na Taça de Portugal, iniciando todos os jogos realizados pelos portistas na prova. E é verdade que apontou um total de quatro golos na campanha até ao Jamor, apesar de terem sido todos conseguidos frente ao Vila Real na terceira eliminatória.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados