Portugal empata em Dublin e fica a um ponto da qualificação para o Mundial

Seleção nacional está no segundo lugar do grupo A de apuramento para o Mundial. Ouça o Relato TSF.

Portugal empatou esta quinta-feira (0-0) em Dublin frente à República da Irlanda e com este resultado passou a liderar, com os mesmos pontos da Sérvia, o Grupo A de qualificação europeia para o Mundial do Catar.

A seleção nacional começou a fase final do apuramento para o Mundial de 2022 em Dublin, defrontando a congénere da República da Irlanda. Para este encontro, Fernando Santos optou por poupar vários jogadores que estavam limitados por acumulação de amarelos. Deste lote de jogadores em risco de falhar o encontro com a Sérvia, só João Palhinha é que começou de início.

​O médio do Sporting fazia dupla no meio-campo com o colega Matheus Nunes e com Bruno Fernandes. No ataque, Gonçalo Guedes e Ronaldo apoiavam o ponta-de-lança André Silva.

Como esperado, Portugal começou o jogo a pressionar o adversário, tecnicamente inferior à formação orientada por Fernando Santos. Na defesa, Portugal com laterais ofensivos, como Nelson Semedo e Diogo Dalot, que nos minutos iniciais, deram muito apoio ao jogo ofensivo nacional.

A equipa das quinas, usando esta noite o equipamento alternativo, teve maior posse de bola ao longo da primeira parte, mas falhou na definição do último terço. Em cima da meia hora, a Rep. da Irlanda conseguiu assustar Rui Patrício.

Pouco depois, soaram os alarmes no banco de Portugal. Cristiano Ronaldo queixou-se de dores nas costas, teve de ser assistido e continuou em campo.

Na segunda parte, Portugal deixou a iniciativa de jogo à formação da casa, dando espaço sobretudo a meio campo. A equipa de Fernando Santos tentava controlar o resultado: só uma derrota é que não interessava às aspirações nacionais.

Para melhorar o jogo ofensivo, Fernando Santos lançou no encontro Rafael Leão e a 20 minutos do final, João Félix e Renato Sanches.

Aos 82 minutos, num lance aparentemente controlado, Pepe fez falta sobre um adversário e viu o segundo amarelo, sendo expulso pelo árbitro da partida.

Nos descontos, os irlandeses ainda marcaram, mas o lance foi anulado por falta sobre Rui Patrício.

Onze da República da Irlanda: Bazunu; Coleman, Duffy, Egan; Doherty, Hendrick, Cullen, Stevens; McGrath, Ogbene e Robinson.

Suplentes: Kelleher, Travers, Nathan Collins, Manning, Hourihane, McClean, Browne, Knight, O'Dowda, Idah, Parrott e Keane.

Onze de Portugal: Rui Patrício; Nélson Semedo, Pepe, Danilo e Diogo Dalot; Matheus Nunes, Palhinha e Bruno Fernandes; Gonçalo Guedes, André Silva e Ronaldo.

Suplentes: José Sá, Diogo Costa, Rúben Dias, José Fonte, João Cancelo, João Moutinho, William Carvalho, Renato Sanches, Rúben Neves, Rafael Leão, Diogo Jota e João Félix

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de