Rochele Nunes perde no primeiro combate da categoria de +78 kg nos Mundiais de judo

A atleta não conseguiu ultrapassar a japonesa Wakaba Tomita, 46.ª do 'ranking', num combate muito equilibrado e decidido a favor da nipónica com um waza ari, marcado a 10 segundos do final, o que deixou a portuguesa sem grandes hipóteses de dar a volta.

Portugal despediu-se este sábado dos Mundiais de judo de Budapeste, depois de Rochele Nunes ter sido eliminada logo no seu primeiro combate da categoria de +78 kg, frente à japonesa Wakaba Tomita.

Rochele Nunes, sétima cabeça de série e 11.ª do mundo, passou diretamente à segunda eliminatória, mas não conseguiu ultrapassar a japonesa, 46.ª do 'ranking', num combate muito equilibrado e decidido a favor da nipónica com um waza ari, marcado a 10 segundos do final, o que deixou a portuguesa sem grandes hipóteses de dar a volta.

A judoca do Benfica, de 31 anos, foi a última portuguesa a entrar em ação nestes campeonatos, ela que era uma das candidatas na sua categoria, mas não conseguiu que esta se tornasse na melhor prestação de Portugal em mundiais.

Portugal conseguiu assim em Budapeste a sua segunda melhor prestação, depois de Jorge Fonseca ter conseguido revalidar o seu título mundial e de Anri Egutidze ter conquistado a medalha de bronze.

Melhor, apenas o registo alcançado em 2019, quando Jorge Fonseca se sagrou campeão mundial e Bárbara Timo conquistou a medalha de prata.

A competição na Arena Laszlo Pap entrou este sábado no sétimo dia, que marca a despedida das categorias individuais, estando o domingo destinado apenas às equipas mistas, variante em que Portugal não compete e que nos Jogos Olímpicos fará a estreia.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de