Ronald Koeman já não é treinador do Barcelona

Treinador de 58 anos não resistiu a mais uma derrota, desta vez frente ao Rayo Vallecano.

O holandês Ronald Koeman foi, esta quarta-feira, dispensado do lugar de treinador do Barcelona na sequência da derrota por 1-0 frente ao Rayo Vallecano.

"O FC Barcelona dispensou Ronald Koeman das funções como treinador da primeira equipa. O presidente do clube, Joan Laporta, informou-o da decisão após a derrota contra o Rayo Vallecano. Ronald Koeman despedir-se-á do plantel na quinta-feira, no Ciutat Esportiva", lê-se no site oficial do clube catalão.

Os blaugrana agradecem a Koeman pelos "serviços ao Clube" e desejam-lhe "tudo de bom na sua carreira profissional".

O FC Barcelona perdeu esta noite por 1-0 perante o atual quinto classificado, o Rayo Vallecano, num jogo em que o único golo foi marcado pelo ex-FC Porto Radamel Falcão.

O mau início de época fez soar os alarmes, já que abre a possibilidade da equipa não se qualificar para a Liga dos Campeões da próxima época, algo que teria enormes consequências para a situação financeira já frágil do clube.

O antigo médio do Barcelona Xavi Hernandez, atualmente o treinador do Al Sadd, do Catar, e o treinador do River Plate, Marcelo Gallardo, estão entre os possíveis sucessores de Koeman, aponta a agência AFP.

Fontes do clube catalão avançaram à agência EFE que o técnico da equipa B, Sergi Barjuan, deve orientar a equipa frente ao Deportivo Alavés, no sábado, para o campeonato, e perante o Dínamo de Kiev, na quarta-feira, na Ucrânia, para a Liga dos Campeões.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de