Sérgio Conceição diz que é importante olhar jogo a jogo para "não tropeçar"

O FC Porto recebe esta segunda-feira o Santa Clara, treinado por Mário Silva.

O treinador do ​​​​​​​FC Porto salientou este domingo, em antevisão da partida com o Santa Clara, da 28.ª jornada da I Liga de futebol, a importância de olhar jogo a jogo até ao final da época para evitar "tropeçar".

Sérgio Conceição garantiu que a equipa está focada no jogo com a formação insular e consciente das dificuldades que vai encontrar, ainda que preparada para conquistar mais três pontos.

"O grupo está consciente das dificuldades e do que temos de fazer e devemos fazer até ao final da época, pensando que amanhã [segunda-feira] será o jogo mais importante. É etapa a etapa. É assim que vamos pensar. Tivemos algum tempo para preparar este jogo, tínhamos muitos jogadores em seleções, mas estamos preparados para o jogo", garantiu o técnico dos dragões, em conferência de imprensa.

Sobre o Santa Clara, Sérgio Conceição garantiu ter a lição bem estudada e admitiu que "cabe ao FC Porto olhar para o adversário, perceber a dinâmica da equipa quando tem bola e quando não tem, de modo a estar equilibrado, coeso, percebendo os pontos fortes".

"Vejo uma equipa que, independentemente de ter tido três treinadores, não mudou muito a sua dinâmica. A equipa sente-se confortável a jogar da forma como joga, muda um ou outro elemento, mas não altera muito o que é a equipa. É consistente, sofre poucos golos e tem poucas derrotas. Nos últimos cinco jogos, perdeu só na Luz", salientou ainda.

O treinador da equipa azul e branca referiu ainda que o facto de, até ao final do campeonato, ter a maior parte das semanas completas para trabalhar vai ser importante, lembrando a importância de pensar jogo a jogo.

"Sempre disse que teoricamente é melhor ter 'semanas limpas', com um jogo por semana. Mas há situações e ciclos em que jogámos de três em três dias e o foco era de tal maneira grande que tivemos séries fantásticas, enquanto com 'semanas limpas' registámos aqui e acolá algum dissabor", referiu.

O técnico dos dragões completou a ideia: "Teoricamente gostamos disso, para trabalhar momentos do jogo, tendo mais tempo é sempre melhor. Há jogadores com alguma fadiga, pequenos toques e é bom para essa recuperação. O importante é olhar para o que temos neste momento e não para o fim. Se olharmos muito para frente, podemos tropeçar. Temos de estar focados no objetivo final, mas percebendo que o jogo de amanhã é o mais importante."

Portugal garantiu na terça-feira a presença na fase final do Mundial 2022, no Qatar, e Sérgio Conceição revelou a sua satisfação pelo feito, depois de ele próprio ter participado, enquanto futebolista, na campanha lusa no Mundal 2002, na Coreia do Sul e Japão.

"Acho que todos os treinadores de jogadores que vão às seleções têm a sua pequena fatia do mérito, mas o mérito é todo do Fernando Santos e dos jogadores, que deram o seu melhor. Faço parte dos 11 milhões que ficam felizes, mandei mensagem ao Fernando para o felicitar, a ele e a toda a seleção, incluindo aos dirigentes, felicitando por esta passagem a mais uma fase final de um Mundial", afirmou.

O FC Porto, líder do campeonato, com 73 pontos, recebe na segunda-feira, às 20:15, o Santa Clara, 10.º classificado, com 31 pontos, numa partida da 28.ª jornada da I Liga, que será arbitrada por António Nobre, da Associação de Futebol de Leiria.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de