Só 22% dos japoneses querem que os Jogos Olímpicos se realizem

A Coreia do Sul é o país com menos defensores da realização dos Jogos Olímpicos, com apenas 14% dos inquiridos a mostrarem-se favoráveis ao evento.

Cerca de 22% dos japoneses defendem a realização dos Jogos Olímpicos Tóquio2020, adiados no ano passado devido à pandemia de Covid-19 e com início marcado para 23 de julho, indica uma sondagem divulgada esta terça-feira.

O estudo, do instituto Ipsos, foi realizado em 28 países e mostra que 43% dos entrevistados em todo o mundo acham que a competição deve realizar-se.

A Turquia, com 71%, e a Arábia Saudita, com 66%, são os países nos quais os inquiridos são mais favoráveis à realização dos Jogos Olímpicos, no atual contexto de pandemia.

O Japão e a Coreia do Sul também figuram entre os países nos quais a população admite estar menos interessada nos Jogos, com 68% de nipónicos e 70% de sul-coreanos a assumirem o seu desinteresse.

A Bélgica, com 72%, lidera a lista de países com mais desinteresse nos Jogos, que decorrerão entre 23 de julho e 8 de agosto.

No extremo oposto, os indianos são os mais interessados (70%), à frente dos sul-africanos (59%) e dos chineses (57%).

A sondagem envolveu um universo de 19.510 pessoas, de 28 países, e decorreu entre 21 de maio e 04 de junho.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de