UEFA não admite candidatura da Rússia aos Europeus de 2028 e 2032

Para o organismo, "dada a incerteza de quando a suspensão da federação russa será levantada", aceitar a proposta de candidatura "iria contra a decisão de 28 de fevereiro do Comité Executivo".

A UEFA recusou esta segunda-feira a candidatura da Rússia à organização do Euro2028 ou do Euro2032 de futebol, devido à invasão militar da Ucrânia pelos russos.

"O Comité Executivo da UEFA declarou a proposta da União Russa de Futebol para receber o Euro2028 ou o Euro2032 não elegível", lê-se no comunicado da UEFA.

Para o organismo, "dada a incerteza de quando a suspensão da federação russa será levantada", aceitar a proposta de candidatura "iria contra a decisão de 28 de fevereiro do Comité Executivo, de suspender todos os representantes russos de participar nas competições da UEFA".

Em 23 de março, a Rússia tinha declarado o interesse em organizar o Campeonato da Europa de futebol em 2028 ou 2032, numa altura em que os clubes russos e as seleções estão afastadas das competições.

O comité executivo da federação russa de futebol decidiu "apoiar a decisão de declarar interesse" na organização dos torneios de 2028 ou 2032, anunciou o organismo, que não adiantou quando a proposta será formalizada, nem se tem preferência por alguma das edições do Europeu.

A ofensiva militar lançada na madrugada de 24 de fevereiro pela Rússia na Ucrânia causou já a fuga de mais de 13 milhões de pessoas de suas casas - mais de 7,7 milhões de deslocados internos e mais de 5,5 milhões para os países vizinhos -, de acordo com os mais recentes dados da ONU, que classifica esta crise de refugiados como a pior na Europa desde a Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

ACOMPANHE AQUI TUDO SOBRE A GUERRA NA UCRÂNIA

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de