Van Breukelen dá razão a Jesus. Benfica precisa de marcar em Eindhoven

O jogo entre Benfica e PSV Eindowen começa às 20h00 e tem relato em direto na TSF.

O antigo guarda-redes que deu a vitória ao PSV Eindhoven na final de Estugarda frente ao Benfica concorda com Jorge Jesus: Se o Benfica marcar esta noite em Eindohen, fica com o apuramento nas mãos. Hans Van Breukelen destaca a eficácia das águias e ainda recorda o que ainda hoje significa aquela grande penalidade perdida por Veloso.

O antigo guarda-redes, campeão europeu pelos Países Baixos e pelo PSV, espera assistir novamente a um grande espetáculo esta noite: "Espero que seja como na primeira mão... mas não o resultado. Espero que seja um jogo intenso, como foi há uma semana, porque acho que Benfica e PSV são realmente duas excelentes equipas".

Van Breukelen vai estar no Phillip Stadium esta noite para ver a partida e destaca a eficácia que mostrou o Benfica na primeira mão.

"A diferença entre Benfica e PSV esteve na eficácia. O Benfica teve três oportunidades na última semana e marcou duas vezes. O PSV teve quatro oportunidades e marcou apenas uma. O Benfica é perigoso nas bolas paradas, marcaram dessa forma, pelo que acredito que o PSV tem de estar sob alerta", sustenta.

Se Jorge Jesus considera que o mais importante é marcar em Eindohen, com 2-1 a favor das águias e agora sem a regra dos golos fora, a vantagem está do lado dos portugueses: "É muito difícil vencer as equipas portuguesas. Fico sempre com a sensação que sabem exatamente o que fazer para obter o resultado necessário. É sempre dificil marcar a equipas portugueses sendo que são também muito eficazes. Por isso acredito que vai ser muito dificil ao PSV marcar 2 ou 3 golos, isto caso o Benfica marque"

A camisola que Van Breukelen usou no jogo contra o Benfica na final da Taça dos Campeões europeus em Estugarda está no museu do PSV. O momento em que defendeu a grande penalidade de Veloso continua presente na memória dos adeptos

"Foi já há tantos tantos anos, mas os adeptos mais velhos - ou até mesmo aqueles que têm agora 35 ou 40 anos - recordam-se de mim e daquele momento. Isso enche me de orgulho. É o único momento da carreira em que um guarda-redes se sente um vencedor", remata.

A 25 de maio de 1988 foi o PSV a festejar, com Van Breukelen como herói. Desta vez, tanto os neerlandeses como o Benfica mereciam estar na Liga dos Campeões, considera Van Breukelen.

O jogo entre Benfica e PSV Eindowen começa às 20h00 e tem relato em direto na TSF.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de