Caixa: Governo tem equipa B para o caso de Domingues bater com a porta

Paulo Macedo, ex-ministro da saúde e Carlos Tavares, ex-presidente da CMVM, são os nomes que o Governo tem em carteira para a Caixa Geral de Depósitos.

Se António Domingues não aceitar ficar na Caixa Geral de Depósitos por causa da polémica das declarações de rendimento e património, o Governo já tem um plano B. Carlos Tavares (prestes a sair da CMVM) e Paulo Macedo (ex-ministro da Saúde) são os mais falados e, ao que a TSF apurou, já terão sido sondados nesse sentido.

Uma outra fonte próxima do setor financeiro também diz à TSF que nos corredores políticos e da banca já circulam nomes alternativos ao de António Domingues, mas não concretiza de que nomes se trata.

A polémica em torno da entrega das declarações de rendimento e património no Tribunal Constitucional dura há semanas e tem sido acompanhada de notícias que dão conta da vontade de a equipa de António Domingues sair se for obrigada a fazê-lo e essa informação for tornada pública.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de