Câmara de Abrantes acredita que investimento na central do Pego vai ser aproveitado

O anúncio do fecho da central de ciclo combinado do Pego, empresa que emprega cerca de 300 pessoas, apanhou de surpresa a presidente da Câmara de Abrantes que afirmou não acreditar no seu encerramento.

A presidente da Câmara de Abrantes está convencida de que o investimento já realizado na central do ciclo combinado do Pego não deixará de ser aproveitado.

Por isso, Maria do Céu Albuquerque mostrou-se convicta de que a curto prazo não haverá despedimentos.

«Penso que não haverá esse risco, pelo menos no imediato. Estamos a falar de um investimento internacional, cerca de 600 milhões de euros que devem ser valorizados», afirmou.

Continuar a ler

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de