A Opinião

"Ministro da Educação tem mais tendência para desfazer do que para fazer"

No comentário semanal na TSF, Manuela Ferreira Leite deixa críticas à anunciada revisão dos programas de Matemática.

Manuela Ferreira Leite critica o ministério da Educação por querer alterar os programas de Matemática. Na semana passada, o Governo anunciou a criação de um grupo de trabalho para analisar os atuais programas da disciplina no ensino Básico e no Secundário para depois os alterar.

No habitual espaço de comentário na TSF, a antiga ministra das Finanças e da Educação lamentou a intenção do Executivo, em especial numa área que tem tido bons resultados. Manuela Ferreira Leite lembra que os resultados dos estudantes portugueses nos testes internacionais têm sido bons. Para a comentadora, "tem de haver uma razão muito objetiva e muito profunda para estar novamente a alterar programas".

Na opinião da antiga ministra, esta medida coloca em causa a estabilidade do ensino e surge no tempo errado.

"É agora que se está a pensar alterar alguma coisa que já nem iria ser aplicada por este Governo? Dá um pouco a sensação de que este ministro tem muita tendência, não para fazer, mas para desfazer", defende.

Para Manuela Ferreira Leite, esta medida só irá trazer custos desnecessários para a Educação, numa altura em que o Programa de Estabilidade do Governo até congelou as verbas disponíveis para este ano.

Todas as segundas-feiras depois das 9h Manuela Ferreira Leite comenta os principais assuntos da atualidade na TSF.

  COMENTÁRIOS