Economia

Zona Euro suporta saída da Grécia da moeda única, diz Schaeuble

O ministro alemão das Finanças sublinha que a Zona Euro «está mais resistente» e que a Grécia tem de ter a vontade de se manter na moeda única.

O ministro alemão das Finanças entende que a Zona Euro tem condições para suportar a saída da Grécia da moeda única.

PUB

Em entrevista a um jornal alemão, Wolfgang Schaeuble considerou que a «Europa não cai assim tão facilmente» e que a Zona Euro «está mais resistente».

«Queremos que a Grécia se mantenha na Zona Euro, mas essa tem de ser também a vontade deles», afirmou o titular alemão da pasta das Finanças.

Para Schaeuble, «é perigoso fazer crer aos cidadãos que há outro caminho, mais fácil, para sanear as suas finanças e evitar a austeridade, o que é um disparate».

Por seu lado, o ministro alemão dos Negócios Estrangeiros afirmou que está nas mãos da Grécia ficar ou não na Zona Euro e que há vontade de ajudar a Grécia, contudo, os gregos têm de aceitar essa ajuda.

«A solidariedade não é uma rua de sentido único», acrescentou Guido Westerwelle, num discurso que fez esta sexta-feira no parlamento alemão.