O restaurante que nasceu por causa do aeroporto ainda espera pelos passageiros

Em São Brissos, a aldeia mais próxima do aeroporto de Beja, o Raposo é o único restaurante. Abriu há 8 anos, no início das obras. Faltam passageiros, "mas agora há um bocadinho mais de movimento".

Beja é a cidade que deu o nome ao Aeroporto Internacional, mas São Brissos é a aldeia que o viu nascer, ao fundo da rua. O aeroporto trouxe promessas de desenvolvimento e a família Raposo quis aproveitar.

Os passageiros nunca chegaram, mas o estacionamento de aviões começou a trazer alguns clientes frequentes ao único restaurante da aldeia.

A repórter Isabel Meira foi espreitar o prato do dia. Um trabalho de sonorização de André Tenente.

00:0000:00

Veja também:

O Alentejo? "C'est magnifique!" Um aeroporto tão novo e vazio? "Un peu bizarre" - Reportagem TSF no aeroporto de Beja

Quantos passageiros voaram pelo aeroporto de Beja? É melhor não dizer... - Diretor do aeroporto admite que o projeto ficou abaixo das expectativas

Na aldeia do aeroporto, Ti Augusto conhece os aviões por dentro, mas nunca voou. Em São Brissos, a aldeia do Aeroporto de Beja, há um restaurante, uma padaria e a taberna do Ti Augusto

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de