Celorico de Basto festeja vitória de Marcelo

Nem grandes alaridos, mas com orgulhos nas palavras e nos sorrisos. Marcelo Rebelo de Sousa conquistou 81,9% dos votos no concelho onde cultiva ligações familiares, culturais e políticas. A TSF foi "acordar" na vila da avó Joaquina do novo chefe de Estado.

Manhã cedo, mas ainda escura, o café Cubango é ponto de passagem rápida. A televisão passa despercebida. Carolina Lima não comenta as eleições porque não houve surpresa. "Aqui já sabíamos que era ele quem ganhava".

Celorico de Basto não tinha dúvidas da vitória de Marcelo Rebelo de Sousa

00:0000:00

Filipe Barros entra alguns minutos depois. Compra um maço de cigarros e aposta numa "Raspadinha". Ele habitante de Celorico de Basto acha que a vitória de Marcelo Rebelo de Sousa não foi um tiro de sorte. Era previsível e agora espera que a vila ganhe relevância. "Quem sabe ele não vem para aqui nos momentos mais difíceis... Para este sossego".

No gabinete da presidência, o autarca de Celorico de Basto confessa uma "noite mal dormida". Nem quando foi eleito custou tanto a adormecer. Joaquim Mota da Silva foi a Lisboa festejar a vitória de Marcelo Rebelo de Sousa, que considera ter a personalidade ideal para os portugueses "voltarem a gostar de política".

Na Biblioteca Municipal Marcelo Rebelo de Sousa, Fátima Cunha, diretora, desfia a longa lista de documento que o agora Presidente da República doou. " Há de tudo. Desde livros, a publicações, fotografias e até cadernos escolares. Ele tinha uma caligrafia muito bonita. A letra era mais bonita do que a que tem agora".

A diretora da biblioteca lança agora um desafio ao amigo. Fátima Cunha gostava de, um dia, receber o espólio da presidência que se segue.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de