Como recrutar e reter os melhores talentos?

Foi com este tema que aconteceu a primeira mesa redonda dos Prémios Heróis PME, organizada pela Yunit e Victoria Seguros, no Porto.

Começaram na passada sexta-feira, dia 15 de fevereiro, os "Encontros Yunit Heróis PME, hosted by Victoria Seguros". Este primeiro encontro teve lugar no Porto, no Flores Village, e, num ambiente de conversa de café e lógica informal, aconteceu a mesa redonda sobre "Retenção de Talentos". Para falar deste assunto, estiveram presentes nesta mesa empresários, cujas empresas são consideradas das "melhores para trabalhar": Samuel Soares da Samsys, Ricardo Parreira da PHC e Margarida Silva da REHC.

Na mesa redonda com o tema "Missão Talento: como recrutar e reter os melhores", moderada por Alberto Bento, Diretor de Recursos Humanos da Victoria Seguros, falou-se sobre as melhores formas e práticas de contratar os melhores profissionais e de os reter na empresa. Desta forma, a palavra-chave de todo o debate foi a "felicidade", visto que todos os empresários referiram que esta é fundamental no bom funcionamento de uma empresa e no trabalho dos seus colaboradores.

Segundo Ricardo Parreira, "a felicidade é altamente rentável", pois sem esta, o trabalho não é bem feito. Da mesma opinião é Samuel Soares quando refere que "a felicidade é algo que nos é muito intrínseco, e como todos somos diferentes a forma de alcançar essa felicidade é muito diversa. Como líderes, devemos sempre potenciar todas as condições para que as pessoas se sintam felizes dentro das organizações.". Margarida Silva partilha do mesmo sentimento e chega mesmo a referir que "ninguém trabalha bem se não estiver feliz".

Outro foco desta mesa redonda foi a avaliação dos profissionais e como essa é fundamental, mas tem de ser enquadrada na cultura da empresa. "Para a empresa crescer, as pessoas têm de crescer também, e a avaliação é uma forma de crescimento. Porque para ser um bom profissional, tem de se ser uma boa pessoa", referiu Samuel Soares. Também Margarida Silva diz que "somos avaliados em tudo o que fazemos, mas precisamos de mais metas".

Para finalizar, Ricardo Parreira referiu que a PHC tem "foco em 3 áreas, que são 3 B's: recrutar bem, ou seja, escolher as pessoas que vão fazer o que gostam; dar boas condições, seja desde um bom vencimento a boas condições de trabalho e um bom ambiente; e apresentar um bom trabalho, ou seja, as pessoas têm de ser reconhecidas e apreciadas".

Quando terminou a mesa redonda, os 20 primeiros inscritos neste encontro tiveram a oportunidade de participar num workshop com o Chef Pedro Sommer, sob o tema soft skills. Nesta atividade, várias equipas formadas pelos empresários tiveram de preparar um tártaro com os ingredientes cedidos pelo Chef. O propósito foi demonstrar a importância das soft skills e do trabalho em equipa organizado.

Assim, segue-se o próximo "Encontro Yunit Heróis PME, hosted by Victoria Seguros", dia 27 de fevereiro, em Aveiro, cujo tema será a Internacionalização. Acompanhe tudo no Canal dos Heróis PME, no Dinheiro Vivo e TSF.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de