Odemira quer incentivar as rotas navegáveis do rio Mira. Turistas aplaudem

O "Na minha praia" continua a viagem por Odemira.

O rio Mira desagua em Vila Nova de Milfontes e embora já não com uma finalidade comercial, o rio continua a ser navegável entre Milfontes e a vila de Odemira, a sede de concelho. André Albino vai estar ao leme do barco e desta reportagem. Não é um estreante no rio Mira, mas é estreante como empresário, pois criou este julho a sua própria empresa, a BTure, com o apoio do Odemira Empreende, um projeto de financiamento da autarquia, que lhe permitiu comprar o seu próprio barco.

Quer proporcionar aos turistas mais do que passeios no rio e, por isso, fez formação de línguas, mas também de observação de aves.

Entramos a bordo com um grupo de turistas dinamarqueses e André Albino vai explicando, aqui e ali, as aves que vamos avistando, umas mais típicas que outras nestas paragens: "é possível observar algumas aves de rapina, como águias de asa redonda, águia pesqueira, ou milhafre real", enumera. "Algumas aves de rapina vivem aqui ao longo do rio. É possível observar umas 30 espécies diferentes. A partir de setembro é a época mais forte para observá-las".

A viagem leva-nos ao moinho da asneira, um moinho de maré, que está agora transformado em alojamento turístico. Pelo caminho paramos para apreciar a pesca de polvo, mas também de dourada, onde a água do rio ainda é salgada.

O rio vai-se transformando, assim que se encolhe a caminho do interior, a zona de foz e de praia dá lugar a áreas de sapal, onde em outros tempos havia também produção de arroz. Uma viagem ao encontro da história e do património natural de Odemira ribeirinha.

O "Na minha praia" esteve por Odemira. Fechámos a semana na foz do Mira, junto ao mar, mas andámos a pescar aqui e ali várias histórias ao longo do seu leito, com especial destaque para o sítio onde é travado, na Barragem de Santa Clara, e onde há uma Praia de Bandeira Azul pelo segundo ano consecutivo, a Praia Fluvial de Santa Clara, junto à aldeia de Santa Clara-a-Velha. Um espelho de água e uma das maiores albufeiras da Europa, onde pode optar por passeios de barco, por contemplar a paisagem ou pela prática de canoagem, kitesurf e windsurf.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados