Crónica de Carina Fonseca: um fato à medida para o ano novo

Recentemente, passei uma semana a destralhar. O termo é-me hoje bastante familiar. Já antes de Marie Kondo se tornar celebridade eu lia e pensava sobre o assunto. Há quem ponha em causa o seu critério de seleção dos objetos consoante nos dão ou não alegria, e há quem nem perceba a vontade de reduzir o número de coisas em volta. Algumas ...

Para saber mais clique aqui: www.evasoes.pt

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de