Em plena pandemia, a Samsung aposta num equipamento que promete matar 99% das bactérias

Foi a pensar na saúde, e em todo o álcool-gel que temos gasto nos últimos meses, que a Samsung lançou mais um produto.

O UV Sterilizer poderia ser o menos eletrónico dos dispositivos lançados pela Samsung nos últimos anos. Na prática, é um dispositivo de esterilização. É uma caixa que se abre e que lá dentro, em cada topo, tem uma lâmpada ultravioleta. No entanto, faz mais qualquer coisa, mas já lá vamos.

O funcionamento não podia ser mais simples. Basta pôr no seu interior seja lá o que for que se quer esterilizar: óculos, um telemóvel, uma chupeta, ou uns auscultadores. Fecha-se a caixa, carrega-se no botão e dez minutos depois o equipamento apita: a esterilização está feita.

Pelo meio, caso aquilo que tenha sido colocado dentro da caixa seja um dispositivo cuja bateria carrega sem-fios então há ainda mais esse ganho.

Aquilo que foi posto dentro da caixa fica livre de bactérias.

E sublinhe-se a palavra "bactérias". Em momento algum a Samsung fala em COVID-19. O que a gigante eletrónica argumenta é que a luz ultravioleta emitida no interior deste equipamento mata 99% das bactérias que conhecemos.

No entanto, isso não quer dizer que os vírus que sejam apanhados pela luz UVC não tenham o mesmo destino. A marca sul-coreana é que não o publicita. Talvez considere que não há estudos suficientes, que ainda não há consenso científico, para garantir que assim é.

Independentemente disso, e mesmo que tudo venha a correr bem com a vacina e com a luta contra a pandemia, este lançamento é mais um sinal de que 2021 pode muito bem ser o ano do esterilizador caseiro.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de