LG CineBeam: Teste a um projetor perfeito para ver o Ronaldo a marcar golos

O LG CineBeam Laser 4K é uma das hipóteses que se coloca a quem está à procura de um projetor. Mas quando se olha em volta, a escolha não é simples. As alternativas também são tentadoras.

É portátil. Tem até uma pega para tornar isso mais evidente. Essa portabilidade é um dos pontos que o tornam imediatamente distinto de alguns dos seus concorrentes. Com este detalhe, este projetor torna-se imediatamente de nicho: é para aqueles que querem andar com ele para trás e para a frente. É também uma característica definidora para o bom, e para o mau.

Começamos por essas sensações menos boas até porque [spoiler] o LG CineBeam Laser 4K é muito interessante.

- Não é facílimo de configurar. Quando se usa na posição vertical, a projeção é feita com recurso a um espelho e a introdução de mais essa peça em todo o processo acaba por dar um pouco mais de trabalho. Não é uma confusão enorme, mas é uma areia na engrenagem.
- O preço. Não é nada barato. Nada mesmo. Aliás, é caro. E não é pouco. Convém pensar mesmo a sério se é um projetor como estes que se quer comprar.
- Faltam-lhe lumens. É a partir deste valor que podemos ter uma ideia do quão luminoso é um projetor (ou um monitor). Neste caso, o número que é dado pela LG é de 2500 lumens. É um valor que chega e sobra para ver filmes ou jogar jogos de consola, mas convém que a sala esteja razoavelmente escura. De preferência com as luzes todas desligadas. Ou seja, está a pensar jantar e pôr um olho numa série? Pode acontecer, mas não é muito confortável. Dito de outra forma, não é capaz de fazer as vezes de um televisor (para esse efeito talvez seja melhor pensar num equipamento a atirar para os 4000 lumens, por exemplo).

A baixa luminosidade (relativa, bem entendido) é mesmo o dado que mais deixou a desejar. A boa notícia é que há outras características que fazem a balança se equilibrar a favor deste CineBeam Laser 4K. A primeira já foi referida:

- É portátil. Tanto dá para ver um filme na sala, como a bola em casa de amigos. Para quem quiser olhar para ele como um veículo para a confraternização com amigos: é bem visto.
- O telecomando é cinco estrelas. Parece magia.
- Vem com duas entradas HDMI e outras duas USB. Para um equipamento portátil arrisco dizer que chega e sobra. Depois, tem ainda WiFi para quem tiver aversão a cabos.
- Com a ligação WiFi faz sentido que tenha uma pequena smartTV (passe a expressão) incluída: tem apps para o Youtube, Netflix e HBO, entre outras.
- Pode ser usado em duas posições. Na vertical, ou deitado. Esta segunda posição é para locais com anda mais espaço disponível. Ganha também em segurança, já que se reduzem as hipóteses de levar um encontrão (a festejar um golo, por exemplo, e cair.
- A imagem é excelente. É laser, mas mais importante do que isso é que é 4K. Ultra HD. A qualidade da imagem é bestial. O detalhe impressiona.

Assim, tudo se reduz a algumas questões. A primeira é talvez a mais fundamental? Sente-se um nómada? Quer ir a casa de amigos ver um jogo de futebol ou um filme num ecrã enorme? Então não precisa de pensar duas vezes. O CineBeam Laser 4K da LG merece todo o tipo de elogios nesse campo.

E por falar em campo... no domingo Portugal joga a final da Taça das Nações e este projetor é perfeito para ver o Cristiano Ronaldo a marcar golos. Muitos golos.

Continuar a ler

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de