Lançamento "histórico" da NASA a partir da Austrália

De acordo com a NASA, este lançamento oferece uma visão única de outros sistemas solares e oferece novas oportunidades para os cientistas.

O primeiro voo espacial da NASA a partir de um local comercial fora dos Estados Unidos descolou, este domingo, de um território no interior da Austrália, um momento "histórico" para a indústria espacial do país.

Este é o primeiro de três voos previstos no total a partir do Centro Espacial de Arnhem (norte da Austrália).

O foguetão transporta um pequeno telescópio espacial descrito como um "mini Hubble".

"Este é um momento histórico para nós, como empresa em particular, mas também é histórico para a Austrália", disse à France-presse o presidente executivo da Equatorial Launch Australia, Michael Jones, antes da descolagem.

A empresa é dona e opera o local de lançamento localizado no extremo norte da ilha e Jones descreveu a descolagem de hoje como o "emergir" da indústria espacial australiana e elogiou a oportunidade de trabalhar com a NASA.

Este é o primeiro foguetão da NASA a descolar da Austrália desde 1995. O primeiro-ministro australiano, Anthony Albanese, saudou o início de uma "nova era" para a indústria espacial do seu país.

De acordo com a NASA, este lançamento oferece uma visão única de outros sistemas solares e novas oportunidades para os cientistas.

"Estamos ansiosos para lançar importantes missões científicas do hemisfério sul e observar alvos que não podemos ver dos Estados Unidos", disse Nicky Fox, diretor do departamento de heliofísica da NASA, enquanto apresentava a missão em Washington.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de