Os dispositivos "foldable" que aí vêm

Ainda é cedo para dizer se os smartphones com ecrã dobrável se vão tornar populares, mas - e apesar do começo em falso - o que é certo é que empresas como a Samsung estão a lutar por eles.

Ainda ontem a fabricante sul coreana mostrou um novo conceito, com um novo formato. Em vez de um smartphone que se abre como um livro, o que a Samsung propõe agora faz lembrar uma carteira porta-moedas.

Também com o ecrã flexível no seu interior, mas num dispositivo cujo formato que faz lembrar os telemóveis antigos que se abriam como uma concha.

Mas também a TCL parece apostada em explorar formatos mais inesperados no que aos ecrãs dobráveis diz respeito.

Tanto assim, que o protótipo mais recente que a fabricante mostrou ao site CNET, não tem apenas uma dobradiça, mas duas. Em vez de se dobrar em V, dobra-se em Z. E justiça seja feita aquele ecrã todo: mais do que um telemóvel, o que a TCL pode estar a pensar é no lançamento de um tablet.

Tudo isto não passa, por enquanto, de conceitos que as fabricantes estão a explorar. Mas pode também ser que em breve surjam novidades.

Por exemplo, a Motorola já disse que durante novembro vai ter alguma coisa para mostrar. E tudo indica que é um smartphone num ecrã flexível.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados