A primeira vez em 45 anos. Sonda chinesa prestes a regressar à Terra com rochas lunares

Se a missão for bem-sucedida, tal fará da China o terceiro país depois dos Estados Unidos e da antiga União Soviética a trazer rochas lunares para a Terra.

Uma sonda chinesa prepara-se para regressar à Terra com amostras da superfície da Lua, a primeira vez em quase 45 anos, após transferir rochas para um módulo em órbita lunar, informou a imprensa estatal.

Se a missão for bem-sucedida, tal fará da China o terceiro país depois dos Estados Unidos e da antiga União Soviética a trazer rochas lunares para a Terra.

Segundo os 'media" chineses, que citam a Administração Nacional do Espaço da China, um contentor com dois quilos de rochas foi transferido para o módulo.

Uma cápsula transportando as amostras de rochas deve aterrar na região da Mongólia Interior em meados deste mês.

Estas serão as primeiras amostras da superfície lunar obtidas pelos cientistas desde a sonda Luna 24, da União Soviética, em 1976.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de