França

Socialista Anne Hidalgo vence em Paris

A candidata socialista à Câmara de Paris, Anne Hidalgo, obteve hoje uma clara vitória frente à conservadora Nathalie Kosciusko-Morizet.

Hidalgo, nascida em 1954 na localidade de San Fernando, na província de Cádis, no sul de Espanha, obteve 54,5% dos sufrágios, na segunda volta das municipais, realizadas hoje, e tornar-se-á na primeira mulher à frente da Câmara de Paris, segundo uma sondagem da Ifop/SAS, difundida pelo canal televisivo i-Télé, citado pela AFP.

"Obrigada, Paris", escreveu Hidalgo na rede social Twitter.

Anne Hidalgo, até agora adjunta do presidente da Câmara de Paris, sucede a Bertrand Delanoe, que em 2001 foi o primeiro político de esquerda a governar o município em 130 anos e que decidiu não se apresentar a um novo escrutínio.

A hispano-francesa, favorita nas sondagens, foi superada na primeira volta por Morizet, ex-ministra do antigo Presidente Nicolas Sarkozy, tendo conseguido inverter essa tendência na segunda volta, graças ao apoio dos ecologistas.

A direita e a extrema-direita proclamam entretanto vitórias históricas nas eleições municipais francesas, depois de anunciadas as primeiras estimativas globais da segunda volta.

Tal como no passado domingo, a abstenção foi massiva, cerca de 38%, segundo as primeiras estimativas, citadas pela AFP.