Greve

Caixas automáticas estão sem dinheiro em várias cidades alemãs

Os trabalhadores de transporte de dinheiro estão em greve na Alemanha. De acordo com o Bild, as cidades de Halberstadt e Erfurt não têm dinheiro nas caixas automáticas.

Lojas e bancos são os principais afetados pela greve, convocada por um dos maiores sindicatos da Alemanha. De acordo com a Ver.di, as caixas automáticas, normalmente vazias depois da passagem de ano, podem não ser reabastecidas e a recolha de dinheiro, levada a cabo ao final do dia, pode não se realizar em muitos comércios.

PUB

As negociações vão continuar esta quarta e quinta-feira e, se os mais de 12 mil funcionários do setor não receberem um aumento salarial, a paralisação poderá estender-se.

Os contadores de dinheiro e motoristas de transporte de valores ganham entre 1800 a 2200 euros na Alemanha de Leste, e entre 2200 e 2900 na Alemanha Ocidental.

O sindicato pede uma subida de um euro e meio por hora ou 250 euros por mês e uma diferença salarial menos significativa dentro do país.

Um porta-voz da Associação Federal dos Serviços Alemães de Dinheiro e Valores já sublinhou que o país não entrará em colapso, admitindo ainda assim que uma greve de vários dias pode ser um problema para as empresas.

  COMENTÁRIOS