Com escadas, martelos e maçaricos. Militares puseram à prova os protótipos do muro de Trump

Depois dos testes, os oito protótipos do muro que Donald Trump prometeu construir para travar o fluxo de imigração ilegal para os EUA estão a ser derrubados.

Estão a ser derrubados os protótipos do muro que Donald Trump prometeu erguer na fronteira entre os Estados Unidos e o México.

No final de setembro, quatro empresas diferentes começaram a construir perto de San Diego, na Califórnia, oito modelos com entre 5,5 e 9,1 metros de altura e nove metros de comprimento, quatro de cimento e quatro com outros materiais.

O lugar foi escolhido por ser uma região desabitada num terreno federal, pelo que não foram necessárias autorizações para obra.

Para os apoiantes de Trump, os muros de teste tornaram-se um símbolo do compromisso do Presidente dos Estados Unidos em construir o muro prometido. Para a oposição, um desperdício de dinheiros públicos - cada protótipo custou entre 300 mil e 500 mil dólares.

Com o objetivo de escolher a melhor solução e a empresa a quem adjudicar a obra, militares e elementos da unidade especial do controlo de fronteiras usaram escadas, martelos e maçaricos para pôr à prova os vários modelos do muro.

Já a construção do muro propriamente dito está em suspenso. O braço de ferro com os Democratas continua e Donald Trump não conseguiu que o Congresso aprove os fundos necessários.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de