Internacional

Governo anuncia 50 milhões de euros para empresários que regressem da Venezuela

Vai ser criada nova linha de crédito para apoiar os portugueses e lusodescendentes na Venezuela que queiram regressar a Portugal. Medida deverá estar em vigor até ao final deste ano.

O Governo português vai disponibilizar 50 milhões de euros para empresários portugueses e lusodescendentes que queiram regressar da Venezuela para Portugal. O anúncio foi concretizado durante a visita oficial do secretário de Estado das Comunidades Portuguesas à Venezuela.

Em declarações à TSF, José Luís Carneiro confirmou que o Governo vai lançar uma linha de crédito que pode atingir os 75 mil euros por empresário. Os empréstimos terão a duração de 10 anos, com carência nos primeiros três anos, e contaram com juros máximos de 3%.

O Executivo espera que a nova linha de crédito esteja ativa até ao final deste ano.

José Luís Carneiro anunciou ainda, na Venezuela, o lançamento de uma plataforma digital do Instituto do Emprego e Formação Profissional que irá disponibilizar de 18 mil postos de trabalho para os portugueses que regressarem ao país vindos de território venezuelano.

A medida, segundo o secretário de Estado, foi muito bem acolhida pelos portugueses e lusodescendentes na Venezuela. "Regresso a Portugal com a sensação de que a comunidade portuguesa reconhece o grande esforço que o Estado português tem vindo a fazer", afirmou José Luís Carneiro.

  COMENTÁRIOS