egito

Explosão em armazém perto do aeroporto do Cairo faz pelo menos 12 feridos

Armazém de produtos químicos ardeu após explosão.

Pelo menos 12 pessoas ficaram feridas numa explosão seguida de um incêndio de grandes dimensões num armazém de produtos químicos perto do aeroporto do Cairo, no Egito.

As primeiras informações davam conta de que todos os voos tinham sido suspensos, mas Tamer al-Rifai, porta-voz do exército egípcio, disse que o tráfego aéreo não foi afetado.

Tamer al-Rifai explicou, na sua conta da rede social Twitter, a explosão foi provocada pelo "aumento do calor".

Também o ministro da Aviação Civil, Yunes al-Masri, garantiu que o movimento aéreo "continua de maneira natural e organizada".

O armazém situa-se fora do perímetro do aeroporto e pertence a uma empresa especializada em "indústrias químicas", a Heliopolis for Chemical Industries, localizada numa área controlada pelo exército.







  COMENTÁRIOS