Juiz francês acusa Salah Abdeslam de terrorismo

O único jiadhista sobrevivente dos atentados de novembro em Paris foi entregue à justiça francesa e ficou indiciado por vários crimes.

Salah Abdeslam, foi hoje acusado por um juiz francês de homicídio, associação com um grupo terrorista, posse de armas e explosivos e rapto, informou o advogado Franck Berton.

Francês de origem marroquina nascido em Bruxelas há 26 anos, Salah Abdeslam foi hoje entregue às autoridades francesas pelas autoridades da Bélgica.

Abdeslam foi colocado em prisão preventiva no estabelecimento prisional de Fleury-Mérogis, perto de Paris, e será interrogado pelas autoridades francesas no próximo dia 20 de maio, precisou o advogado.

Os atentados de 13 de novembro de 2015 em Paris fizeram 130 mortos e várias centenas de feridos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de